Agora o Blues com Z é 100% Blues Brasil.
Essa é nossa mais nova iniciativa para divulgar e incentivar o gênero no país.
De Norte a Sul do Brasil o Blues é praticado e estamos abrindo espaço para todo brasuca que queira expressar seu feeling Blues.
Continuamos com os bate-papos. Toda semana um nome ou uma banda nacional para nos contar como é fazer Blues por aqui.
"....O velho Blues não tem formato, nem receira, nem religião,a cor da pele não se mete nisso..."




Seja bem-vindo, o blues vai rolar! E como dizia o mestre Muddy Waters, "pedras que rolam não criam limo".

24 de abril de 2008

Atração - 28/04/2008

ALÊ ROSSI

Na próxima edição do Blues com Z - 100% Blues Brasil(28/04) vamos destacar a 'MÁFIA DA MORTADELA" , grupo de músicos paulistanos, de diversas bandas. De acordo com unm de seus organizadores, ALÊ ROSSI (foto), baterista do grupo ELETRIC MUDDY, a Máfia da Mortadela é a reunião de músicos do Blues paulistano, unidos em prol da divulgação do estilo no estado de São Paulo, mas com a intenção de se estender por todas as regiões do Brasil.
ALÊ é nosso convidado para um bate-papo descontraido no programa, onde vai contar tudo sobre este movimento.

Veja a seguir uma prévia do papo que vai rolar no programa.

Blues com Z - Sua formação musical e trajetória.
Alê - Minha vida musical começou com 6 anos de idade depois de ficar impressionado ao ouvir um velho LP do Ray Charles do meu pai...adorei aquela sonoridade toda e me apaixonei de cara pela bateria. Nunca tive paciência prá estudar música, mas sempre fui muito curioso. Aprendi a tocar observando os bateristas (os bons e os ruins tb...ahahahaha). A primeira banda a qual participei foi no ano de 1984 aos 12 anos, ainda na época do colégio...éramos os "Colegiais em Decadência"...ahahahaahahahahaha...toquei até os 15, quando após sucessivos fracassos na escola, meu pai gentilmente sumiu com a minha bateria "Panther" e fiquei longos 16 anos sem tocar...Já aos 31, fui convidado pelo gaitista André Hohmer a formar uma banda.

Blues com Z - Quando o Blues entrou na sua vida?
Alê - O engraçado que surgiu aí mesmo!!! Quando o André me convidou prá tocar, em 2003, achei que fosse rock'n'roll, mas não....era o "tal" do Blues!!! aahahahaahahahaaa...O pouco que conhecia do gênero foi através daqueles famosos LPs do Ray Charles do meu pai, nada mais além disso. Interessei-me e corri atrás do tempo perdido, de cara ouvindo muito o cd "From th Cradle" do Eric Clapton, que tem um repertório variado em relação ao blues. Formamos a Electric Muddy, banda que ainda faço parte.

Blues com Z - Como surgiu a Máfia da Mortadela?
Alê - A Máfia da Mortadela surgiu em 2007 a partir da grande amizade em comum de músicos de várias bandas e adoradores do estilo.

Blues com Z - Quais são as bandas que fazem parte do movimento?
Alê - Hoje são elas: Marafa Blues, Black Coffee, Electric Muddy, Blues on the Table, Castigo Elétrico, 6467 Blues, Alcatéia e Cracker Blues. E fora as
bandas, amigos como o nosso queridíssimo Almo Braccesi, nosso brother Banha Blues, Marcos Mickail, entre outros.

Blues com Z - Qual o objetivo do movimento?
Alê - O objetivo é mostrar ao povo brasileiro que o nosso país tem muito do blues, seja através de shows em casas noturnas, bares, restaurantes, praças, festivais, eventos sociais, garagens, ruas e onde derem oportunidade prá mostrarmos nosso som e darmos o nosso recado: boa música e muita diversão ao melhor estilo blues brazuca!!!

Blues com Z - Qual a relação dos integrantes da Máfia com os velhos
blueseiros paulistanos?.
Alê - É uma relação de amizade, aprendizado e muito respeito. Os integrantes da Máfia são relativamente novos no estilo e com certeza aprendem muito com os velhos blueseiros, não só com os paulistanos, mas com os blueseiros de todo o país. Nós os vemos como nossos mestres e temos a intenção de sermos grandes músicos como eles um dia.

Blues com Z - Tá existindo um maior interesse das pessoas pelo Blues?
Alê - Ah, sim!!! A cada apresentação, mais e mais pessoas se interessam pelo estilo...adoram as músicas, participam dos eventos, navegam pelos sites, trocam músicas na rede, mandam sugestões nos diversos blogs existentes como por exemplo, o blog do Terremoto, com milhares de acessos semanais, do Blues Masters e do próprio blog Blues com Z. O importante é que os shows de blues sejam dinâmicos e que prendam a atenção dos espectadores, contagiando,
interagindo com eles, e isso faz com que o blues ganhe mais adeptos a cada dia.

Blues com Z - Quais os novos projetos envolvendo a Máfia da Mortadela?
Alê - Um projeto muito bacana, que por sinal teve sua primeira edição em 2007 e foi um sucesso, acontecerá no segundo semestre de 2008, provavelmente no mês de Agosto, que é o BLUES PELA VIDA. Promovido pelo grande (não só no tamanho, mas no coração) Banha Blues, esse grandioso projeto reúne várias bandas da Máfia da Mortadela e vários artistas consagrados do blues nacional e que angaria fundos prá uma determinada instituição de caridade.

Blues com Z - Deixe seus contatos e considerações finais.
Alê - Nosso principal contato é pelo site de relacionamentos Orkut - Comunidade da Máfia da Mortadela e comunidades das bandas citadas. Em cada uma dessas comunidades tem o endereço eletrônico de cada banda, telefones de contato e tudo mais que o adorador do bom e velho blues deseja. Edu, muito obrigado pela oportunidade de divulgar este nosso movimento,
obrigado pelo carinho e pelo que vc está fazendo pelo blues no Brasil. Esperamos que o blues brasileiro só cresça e ganhe mais e mais adoradores a cada dia. Agradeço aqui em nome de todos os integrantes da Máfia da Mortadela. Grande abraço!!!!

4 comentários:

Anônimo disse...

ESSE CAMARADA ESTA ACIMA DE QQ QUESTIONAMENTO, ELE É ILUMINADO, DONO DE UM CORAÇÃO INVEJAVEL E DE UMA BONDADE INIMITAVEL.
EU TENNHO ELE COMO BASE DE CARATER E COMPORTAMENTO.
E TOCANDO BATERIA , FAZENDO UM SOM ELE TOCA DE TUDO E MUITO BEM, GOSTO DE TOCAR COM ELE, AS RARAS VEZES Q FIZEMOS ALGUMA COISA JUNTO FOI DELICIOSO.
ALE TE AMO , TENHO HONRA DE SER SEU AMIGO
OSWALDO BLACK COFFEE

Roberto Terremoto BluesMan disse...

Alê,

Muito boa sua entrevista.

Vc é a pessoa que faz a Máfia ir sempre para frente.

Paz,
Terremoto

Claudio Ribeiro disse...

sou fã desse maluco...conheci a pouco, mas é um cara muito legal.

ae Alê, bela entrevista, parabéns !

Alexandre disse...

Galera...não tenho palavras prá descrever o quanto vcs são importantes prá mim!!!
Valeu pelas palavras e pela amizade sincera de cada um!!
Amo vcs!!
Beijo do Alê...OOOOOOEEEEEEEE